fbpx

Coelhos de madeira e concurso de casquinha reforçam a Osterfest

POMERODE (SC) – Tintas coloridas, pincéis, casquinhas de ovos de galinha e muita criatividade invadiram as salas de aulas das escolas de Pomerode desde março. Todo esse trabalho que envolve pesquisa histórica, criação e arte por parte dos estudantes é promovido pelas Secretarias de Educação e Formação Empreendedora e de Turismo, Cultura e Esporte de Pomerode e recebe o nome de Concurso Escolar de Pintura de Casquinhas de Ovos. Esta é a quinta edição da competição cultural e as peças vencedoras serão conhecidas na tarde desta quarta-feira (20), às 16h, no Salão Nobre da Prefeitura, quando ocorrerá a premiação dos alunos artistas. O evento faz parte da programação dos festejos pascais de Pomerode.
            O concurso é uma maneira de resgatar e fortalecer esta tradição que ainda se mantém viva e promover um intercâmbio de conhecimentos entre as gerações. Neste ano, foram 18 escolas participantes com 213 casquinhas – recorde de participação – que passaram pelo julgamento do secretário de governo, Valmor Kamchen, da artista  plástica Silvana Pujol e da artesã Hera Hoffmann na última segunda-feira (18). Para vencer o concurso os ovinhos não devem ser apenas graciosos, mas também ter base no estilo trazido pelos primeiros imigrantes, o desenvolvimento das temáticas de Páscoa e principalmente um embasamento histórico que solidifique a inspiração do aluno para a criação final – essa pesquisa fica junto à obra para a avaliação dos jurados.
            Cinco serão as categorias premiadas: infantil (de 3 a 5 anos), Séries/Anos iniciais do Ensino Fundamental, Séries/Anos finais do Ensino Fundamental, Ensino Médio e Educação Especial. Além de prêmios, as três primeiras obras em cada categoria ficam expostas na Galeria Ervin Curt Teichmann, na Prefeitura Municipal de Pomerode, e posteriormente permanecem arquivados no Museu Pomerano.

Coelhos de Madeira
            Dentro da programação de Páscoa de Pomerode se destaca também a Osterfest, festa de resgate da celebração da data cristã na cidade tal qual os antepassados. Na entrada do Centro Cultural, onde ocorre o evento, coelhos torneados em madeira recepcionam os visitantes. Esta é uma técnica chamada de Drechslerei, comum na Alemanha. Além, dos coelhos a Drechslerei também pode ser utilizada para criar personagens de presépios, bonecos quebra-nozes, entre outros. Com origem em Ervgebirge, na região da Saxônia, estas esculturas ganharam força em Pomerode por meio de um projeto desenvolvido pela prefeitura.
             No ano de 2009, o governo enviou a artesã Sandra Greuel à região para aprimorar este trabalho. Três meses depois, Greuel voltou a Pomerode e passou a desenvolver a técnica no município. Confeccionados em torno próprio para madeira, o governo agora prepara uma oficina para repassar este conhecimento. Até o fim do ano, a artesã se encarregará de ensinar o que aprendeu para qualquer pessoa da comunidade que queira fortalecer ainda mais suas tradições.   

3ª Osterfest – Festa de Páscoa em Pomerode
www.vemprapomerode.com.br
Dias 2, 3, 9, 10, 16, 17, 21, 22 e 23 de abril               
Centro Cultural de Pomerode
Rua: Hermann Weege, 111, Centro

 

Oficina das palavras Assessoria de Imprensa, Blumenau

P2270121.JPG

Deixe seu comentário

Cadastre seu e-mail para receber notícias

A Oficina das Palavras utiliza cookies. Eles são usados para aprimorar a sua experiência. Consulte nossa página de política de privacidade para saber mais.