Engenheiros conseguem conter a inclinação da Torre de Pisa

Engenheiros conseguem conter a inclinação da Torre de Pisa

Um dos mais reconhecidos cartões turísticos da Itália, a Torre de Pisa carregava um mistério: como um monumento torto mantinha-se estável? Chegou a intrigar a engenharia moderna em décadas passadas, mas acabou correndo risco eminente de vir abaixo, apesar de ter aguentado bombas de guerras e até terremotos.

Por 20 anos, engenheiros do mundo todo investigaram e conseguiram conter a inclinação da Torre de Pisa. Foram colocados cabos de aço e contrapesos de chumbo na base, para ajudar a endireitar a torre. Ela foi puxada para o lado oposto à pendência, depois de ter o seu terreno escavado.

Segundo o Jornal Nacional, no fim do século 20, a torre medieval tinha uma pendência de 4,5 graus e uma chance real de vir abaixo. A ideia era chegar à inclinação de 200 anos atrás, em torno de 3,95 graus, o que representa meio metro no alto dos oito andares. Os engenheiros acreditam agora que a Torre de Pisa estará firme ainda pelos próximos 300 anos. Construída entre os séculos 12 e 14, ostenta sete sinos com notas musicais.

Nenhum comentário

Comente!

Top