O poder das redes sociais no processo de internacionalização das empresas

O poder das redes sociais no processo de internacionalização das empresas

A internet promoveu a distribuição da informação e trouxe um público cada vez mais exigente em relação ao conteúdo gerado. O turbilhão de dados fez com que cada vez as pessoas se voltassem para aquilo que elas desejam saber ou entender. Por isso, as empresas deixaram de vender apenas seu produto ou serviço para também se tornarem geradora de conteúdo. Tudo para estar dia a dia na frente do público-alvo e garantir visibilidade, credibilidade e, consequentemente, resultados efetivos de vendas.

Neste contexto, gerar informação sobre seu segmento, orientações, dicas, bastidores e manter uma relação aproximada com quem está acompanhando o conteúdo é regra básica. E as empresas que estão em processo de se internacionalizar devem abraçar a inúmeras possibilidades e facilidades proporcionadas pelas redes sociais, que permite comunicar o negócio ultrapassando barreiras geográficas. Com um planejamento estratégico direcionado, os resultados são efetivos e assertivos.
As marcas passaram a ter aproximação com seus públicos mostrando assuntos gerais relacionados à sua atuação. Os conteúdos precisam ser rápidos, interativos e que ofereçam experiências aprofundadas, casando formatos atraentes de texto, vídeo e imagens. Lembre que as redes sociais são um canal aberto de comunicação com o seu cliente, é onde você pode obter também informações importantes sobre os interesses e necessidades de variados públicos, bem como acompanhar a concorrência.

É preciso entender onde está o seu público, em qual plataforma? E, mais do que isso, é necessário compreender as diferenças entre elas. A linguagem, o formato de imagens e vídeos, o conteúdo, tudo isso muda do Facebook para o Instagram, do Instagram para o Twitter, do Twitter para o Linkedin… Como as pessoas consomem o conteúdo em cada uma delas? As fotos têm legendas? Usa-se GIFs? Há sinais gráficos como os emojis? A linguagem é mais séria ou divertida?

As dúvidas sobre o que mostrar são inúmeras, mas alguns passos simples podem ser observados: se sua atuação é B2C, mostre as novidades que você está apresentando ou buscando para oferecer para o seu público. Seja uma referência no seu segmento! Caso seja B2B, mostre à sua rede de contatos, que seu networking é forte e pode se refletir para novos parceiros. Em ambos os casos, tenha sempre um porta-voz (alguém falando com a câmera em vídeos ou aparecendo nas imagens), para dar pessoalidade às postagens e procure mesclar conteúdo, falando do seu negócio, mas também trazendo outras informações relevantes que agreguem ao setor ou à área que você atua.
É imprescindível entrar na onda do que é consumido para ter relevância em meio ao todo que é apresentado a cada minuto.

Parece difícil? Realmente não é simples. Mas, é mais do que necessário estar conectado nestas principais redes, no intuito de fomentar sua visibilidade e consolidar a sua marca. Caso você quiser saber mais, venha conversar com a equipe da Oficina das Palavras!

Nenhum comentário

Comente!

Top